Lectio Divina VI DOMINGO DE PÁSCOA – B

«Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a vida pelos amigos»

Jo 15, 9-17

Oração inicial:

Senhor Jesus, nós te agradecemos porque a Palavra do teu amor se fez corpo dado na Cruz,  e está viva para nós no sacramento da Eucaristia. Faz que o encontro contigo no mistério silencioso da tua presença, entre na profundidade dos nossos corações e brilhe nos nossos olhos para que sejam transparência da tua caridade. Faz, ó Senhor, que a força da Eucaristia continue a arder na nossa vida e se torne para nós santidade, honestidade, generosidade, atenção cuidadosa aos mais débeis. Torna-nos amáveis com todos, capazes de amizade verdadeira e sincera para que muitos sejam atraídos a caminhar para ti.

Ámen.

Evangelho de S. João (15, 9-17)

Naquele tempo disse Jesus aos seus discípulos: «Assim como o Pai me tem amor, assim Eu vos amo a vós. Permanecei no meu amor. Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor, assim como Eu, que tenho guardado os mandamentos do meu Pai, também permaneço no seu amor. Manifestei-vos estas coisas, para que esteja em vós a minha alegria, e a vossa alegria seja completa.

É este o meu mandamento: que vos ameis uns aos outros como Eu vos amei. Ninguém tem mais amor do que quem dá a vida pelos seus amigos. Vós sois meus amigos, se fizerdes o que Eu vos mando. Já não vos chamo servos, visto que um servo não está ao corrente do que faz o seu senhor; mas a vós chamei-vos amigos, porque vos dei a conhecer tudo o que ouvi ao meu Pai.

Não fostes vós que me escolhestes; fui Eu que vos escolhi a vós e vos destinei a ir e a dar fruto, e fruto que permaneça; e assim, tudo o que pedirdes ao Pai em meu nome Ele vo-lo concederá. É isto o que vos mando: que vos ameis uns aos outros.»

Mensagem do Evangelho

O tema da vide é muito comum no ambiente da Bíblia. A palavra mais repetida neste texto é «permanecer», isto é, estar unido, não se afastar, não se separar. É necessária uma íntima relação entre Jesus e aqueles que acreditam nele.

Desta relação vem a vida nova, que é a própria vida de Jesus em nós. Por isso se insiste que é necessário permanecer, dar frutos, conservar os mandamentos, amar-se uns aos outros.   

Meditação pessoal do Evangelho e Partilha em grupo

  • Que coisa me interessou mais nesta leitura?
  • Quais são as palavras mais repetidas? Como as interpreto?
  • Como é que mostro o meu amor a Deus e ao próximo, com sentimentalismos ou, como Ele nos diz, cumprindo a sua vontade? Vivo a minha fé como um «facto do coração» ou como um problema da minha vida inteira?
  • O que significa para nós a palavra «amor»?
  • Como podemos mostrar que existe um verdadeiro amor na família e na nossa comunidade cristã?
  • Escolho o Amor, ou seja, a relação, o pôr à vista, o intercambio, o dom reciproco,   a oferta de mim mesmo, ou escolho o fecho, a solidão, o isolamento absurdo de um homem, que não quer estar com Deus nem com os seus semelhantes?

Partilha as ideias que surgiram após a meditação pessoal

Durante algum tempo posso partilhar com os outros a mensagem que Deus fez chegar ao meu coração, depois de em silêncio ter escutado a sua voz.

Preces partilhadas:

Este momento que antecede o final desta oração, pode ser aproveitado para partilhar as preocupações e aflições. Por isso, durante um espaço de tempo poderemos pedir pelas nossas necessidades.

Terminadas as preces rezamos:

Senhor Jesus, tu vens ao mundo para nos ensinar a linguagem inefável do Amor. E como crianças ainda pequenas queres que o aprendamos com os factos, com os gestos de cada dia. Senhor Jesus, tu queres que conheçamos o Amor do Pai, o seu coração. Ajuda-nos a não esquecer esta “lição”, que se torna para nós compromisso de vida. Dá-nos a força do Amor humilde, perseverante, aberto a todos, pois cada um é nosso irmão. Tu foste o primeiro a observar o mandamento do Pai e nos mostras em ti mesmo o exemplo do Amor maior. Ajuda-nos a descobrir em quantos modos todos os dias nos é dada também a nós a ocasião de dar a vida pelos outros e dá-nos a força de a dar concretamente.

Ámen

Partilhe este artigo:

Outras Notícias